História da Pizza

July 8, 2019

A pizza, apesar de não ser originalmente um prato brasileiro, é disseminada e deliciada em todo o país, estando presente em diversas refeições e em ocasiões de nossas vidas.

Sobre sua origem, parece ser de conhecimento comum que a pizza veio da Itália, certo?

Acreditem ou não, na verdade, não foi bem assim que aconteceu.

 

A história da pizza tem início há pelo menos seis mil anos; provavelmente entre os egípcios e os hebreus. Ela não era, é claro, como é conhecida hoje – assada com molho de tomate, queijo e recheios variados – mas, apenas uma massa de farinha mesclada com água, chamada, na época, de ‘pão de Abrahão’, semelhante ao moderno pão sírio. Este era também conhecido como ‘piscea’, termo do qual, futuramente, a palavra pizza seria derivada.

 

Com o passar do tempo, civilizações diferentes foram responsáveis por alterar, aos poucos, essa receita e, assim, foram construindo a pizza tal qual a conhecemos hoje. Até onde se sabe, os gregos decidiram assar essas massas em tijolos quentes; já os fenícios e mulçumanos tinham o hábito de recheá-las com carnes e temperos. Foi apenas, ao longo da era medieval, durante as cruzadas, que o povo de Nápoles entrou em contato com esse prato – possibilitando, finalmente, a criação da pizza italiana que tanto amamos.

 

Antes de se tornar famosa, a pizza era elaborada para matar a fome dos cidadãos pobres que habitavam o Sul da Itália. Os vendedores ambulantes adotaram esta receita para nutrir, de forma prática, os mais necessitados com alimentos baratos. Além disso, demorou para que ela adotasse o formato “aberto” que tem hoje. Durante muito tempo, a pizza era dobrada ao meio, como um sanduíche.

 

Esta iguaria da gastronomia italiana só foi amplamente difundida, da maneira como a conhecemos, em meados do século XIX, em 1889, graças à habilidade do primeiro pizzaiolo da história, Dom Raffaele Espósito, um padeiro de Nápoles a serviço do Rei Umberto I e da Rainha Margherita. Para homenageá-los, o padeiro preparou uma pizza com as cores da bandeira italiana: branca, vermelha e verde, utilizando, para isso, mussarela, tomate e manjericão. A rainha apreciou tanto o prato que Dom Raffaele decidiu batizá-lo de Margherita.

 

A nova receita da pizza, em seu formato redondo, alcançou tamanha fama mundial que propiciou o nascimento da primeira pizzaria conhecida, a Port'Alba, onde artistas célebres e personalidades renomadas se encontravam naquela época. A partir de então, novas receitas foram criadas e difundidas em toda a Itália.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Chefão apresenta: receitas da Vovó e do Vovô!

February 28, 2019

1/5
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo